segunda-feira, 3 de novembro de 2008

Todo dia

Esse texto escrevi dia 13-10-2004, mas está bem atual!

“Todo dia ela faz tudo sempre igual...” assim diz aquela música famosa.

Não concordo muito com isso. Por mais que façamos as mesmas atividades todos os dias (o que chamamos de rotina), nunca um dia é igual a outro. E isso é o que nos dá esperança e vontade de seguir adiante.

Saber que podemos fazer diferente, começar de novo e de novo e quantas vezes forem necessários, mudar o caminho para o trabalho, pegar um ônibus diferente, pentear o cabelo para o outro lado, usar azul hoje, vermelho amanhã.

Saber que falamos uma baita bobagem há 5 minutos e que, por isso, ficaremos de “bico calado” na próxima meia hora.

Deixar um baita furo hoje e amanhã ficar quietinho para reconstruir a boa imagem.

Comer demais no jantar e só tomar um copo d’água na manhã seguinte.

Chorar até pegar no sono e amanhecer sorrindo, pois um novo dia está ali, cheio de oportunidades.

Começar tudo de novo. Todo dia. Sempre diferente.

Um comentário:

Kety disse...

Oi querida, obrigada pelo recado e pelo carinho, sei bem como são essas coisas, eu para descansar um pouquinho vou trocar de apartamento, hehehehehe
Beijinhos
Fica com Deus.

Visitas desde 25/05/2009