sexta-feira, 16 de julho de 2010

Faça a hora, não espere acontecer

 Como dá pra ver pela cara de choro dela, foto tirada com uma mão só (assim como a digitação desse texto) enquanto a Lara reclama que quer mamar... hihihi

Toda vez que eu ia visitar minha cunhada Luzi, que tinha acabado de ganhar nene na época (o Léo, do Blog do Léo), eu ficava admirada de como a casa dela tava sempre arrumada, com tudo no lugar, afinal de contas ela tinha um bebê e trabalhava de manhã, de tarde e de noite (ela era professora). Um dia perguntei como ela conseguia manter tudo organizado e ela me disse: "Com muito trabalho, Lily, muita dedicação."

Ta bom, não foram essas palavras, mas foi essa a mensagem: não é fácil, tem que se puxar.


E tem mesmo. Não dá pra ficar pensando: "puxa! como eu queria ter o que o outro tem, ser o que ele é!" E fazer por merecer? Nada?!!!

Meu cunhado Xengo diz: "Todo mundo vê os tragos que eu tomo, mas ninguém vê os tombos que eu levo". (Hoje to citando todos os cunhados - hihihihi)


Mas tudo isso é pra dizer pras mamães de primeira viagem, assim como eu, que não é fácil não, nem um pouquinho - ninguém disse que seria -, e dá bastante trabalho, mas é muito bom. Aliás, quando eu estava grávida, todo mundo me dizia: "tu não vai conseguir fazer mais nada depois que o nene nascer" ao que eu retrucava: "bem capaz! logo eu que não paro quieta e gosto de fazer tudo ao mesmo tempo".

E cumprindo meus retrucos, como eu já disse num post anterior, quando a Lara dorme eu saio correndo pra fazer tudo o que quero: arrumar a cama, colocar a roupa pra lavar ou secar, cortar as unhas, fazer xixi, passar um batom, tomar uma água, mudar a mesa da sala de lugar e assim vai. Mas não pensem que a Lara dorme aquelas 3h regulamentais, em que deveria ser acordada pra próxima mamada. A Lara mama a hora que ela quer - e ela SEMPRE quer. hihihihi.... Ela passa o dia inteiro mamando e cochilando. Mama 5min, dorme mais 5min. Nesses 5min de sono eu faço o que dá. E quando ela acorda e quer mamar denovo, às vezes tem que ficar chorando um pouquinho no carrinho pra mamãe terminar de fazer o xixi, e na maioria das vezes a mamãe sai com ela pendurada mamando, fazendo tudo com uma mão só. Os meus braços já estão ficando malhados!!! hihihihi

Vamos lá galera! Que o tempo não pára, não espera a gente ficar com as duas mãos livres!!!

"Vem, vamos embora que esperar não é saber!! Quem sabe faz a hora, não espera acontecer!!!!

.

2 comentários:

Suzi Musse disse...

Esta minha amiga poeta...
Mas tu ta muito certa.
Concordo em gênero, número e grau.
Vou te lançar candidata das futuras e presentes mamães.
Tens uma plaraforma e tanto!
Bjos pras duas

Pontos da Aline disse...

Oi amiga,
Vc escreve muito bem e eu adoro ler.
Ainda mais que estamos na mesma.
Eu estou correndo muito mais, já que não pude fazer nada na gravidez e ficou muita coisa acumulada.
Ainda dou apoio pro marido com depresão pós-parto e preparo meu casamento para setembro.
Ufa....
Beijinhos e bom fim de semana.

Visitas desde 25/05/2009